MENU

Projeto “LAURA DE PORTAS ABERTAS” estreia em agosto, com show gratuito de DUDA BEAT

A partir de segunda-feira, 6 de agosto, a Casa de Cultura Laura Alvim vai promover o LAURA DE PORTAS ABERTAS, projeto que ocupará seu porão, sempre às segundas, para promover artistas de diferentes segmentos. Com curadoria da jornalista e apresentadora do programa de rádio FARO, Fabiane Pereira, o projeto vai reunir nomes que estão se destacando em música, literatura, teatro, dança e áudio visual.

Com entrada gratuita, o LAURA DE PORTAS ABERTAS é uma idealização da diretora geral da CCLA, Renata Monteiro, com o objetivo de estreitar ainda mais a relação do público com os artistas da nova safra. Os cariocas terão uma seleção que representa parcela importante do atual momento artístico da cidade, toda segunda, às 19h.

A estreia do LAURA DE PORTAS ABERTAS - FALA-SE DE MÚSICA será com a cantora DUDA BEAT, no dia 6, apresentando as canções do seu disco de estreia, "Sinto Muito. Sintetizadores cremosos, graves pulsantes, beats apaixonados e muita, mas muita sofrência marcam o trabalho da artista pernambucana radicada no Rio. Como um diário recheado de desabafos ácidos, as letras de Duda Beat dão voz a uma jovem mulher romântica que não consegue se adaptar à fluidez dos relacionamentos contemporâneos.

No dia 13 será a vez do LAURA DE PORTAS ABERTAS - FALA-SE DE TEATRO com a única apresentação do espetáculo "O QUADRO ou pequeno poema para o fim do mundo" da atriz  FLAVIA MILIONI. O monólogo traz um desfecho surpreendente e durante sua temporada de estreia ano passado foi eleita pela Veja Rio como uma das cinco melhores em cartaz. O espetáculo narra a trajetória do quadro que acompanhou a vida da atriz nas mudanças de casa pelas quais ela passou e para onde ela se transportava em sonho como forma de não sucumbir à instabilidade. Além de atuar, Flavia assina texto e direção.

Segunda, dia 20, o LAURA DE PORTAS ABERTAS - FALA-SE DE LITERATURA vai receber três escritoras cariocas cujos textos passam pela temática "Feminino & Feminismo". MARIA REZENDE, PAULA GICOVATE e LUIZA MUSSNICH são jovens autoras com livros que apontam para uma escrita muito pessoal. Num papo mediado pela curadora do projeto, Fabiane Pereira, as três falarão sobre literatura, inspirações e escritas. Após a conversa literária, todas estarão disponíveis para autografar seus livros, que na ocasião serão vendidos no local.

Encerrando o primeiro mês do projeto, no dia 27 de agosto haverá mais uma edição do LAURA DE PORTAS ABERTAS - FALA-SE DE MÚSICA. Desta vez, a cantora LAURA LAVIERI apresenta as canções do seu disco de estreia que será lançado nos próximos dias. A artista dá sopro a novas e antigas vozes da MPB em seu primeiro trabalho solo “Desastre Solar”. É o álbum que trilha seu caminho como intérprete após anos de parceria com Marcelo Jeneci. A voz feminina e marcante de Laura traz à tona canções que se afastam do universo mais leve pelo qual ficou conhecida.

Para a diretora da Casa de Cultura Laura Alvim, Renata Monteiro, a estreia do projeto LAURA DE PORTAS ABERTAS tem um gosto ainda mais especial, em meio ao momento crítico pelo qual passa o Rio de Janeiro. “A arte é nossa resposta à crise. A casa resiste bravamente com uma programação contínua e de qualidade para os cariocas e os turistas que nos visitam. Poder realizar um projeto como esse, hoje, é motivo de grande comemoração!”